O boxe cubano

Artigos sobre boxe e condicionamento físico traduzidos de Ross Enamait, M.S., CFT, renomado atleta e treinador americano certificado pela International Sports Sciences Association (www.rosstraining.com). Uma parceria exclusiva no Brasil entre Ross e eu, sendo o único brasileiro autorizado a traduzir seus textos em inglês. Ross Enamait treinou com o campeâo mundial Marlon Starling, entre outros boxeadores de nível altíssimo a procura do cinturão mundial de boxe e continua até hoje treinando boxeadores e publicando seus livros. Na biblioteca, já tenho 4 livros dele, voltado ao condicionamento físico, ao treino técnico de boxe, nutrição e estratégias.

 

ROSS ENAMAIT (www.rosstraining.com)

 

 

O BOXE CUBANO

Por Ross Enamait, M.S., CFT,

Tradução de Rick (04/09/2006)

 

Eu tenho recebido várias perguntas de boxeadores que procuram informações de programas de treinos de muitos campeões mundiais. Os exemplos incluem ´´Como o Mike Tyson treina?´´… ´´Como o Roy Jones Jr. Treina?´´… e aí vai.

 

Uma pergunta que eu nunca recebi é ´´Como os amadores Cubanos treinam?´´

 

Eu acho estranho que ninguém pergunta sobre o programa de boxe amador Cubano. Será que é o porquê o país é pequeno e com pouco dinheiro? Será que pode ser que é porque o país tem falta de um equipamento de treino ´´hi-tech´´ e outras facilidades comuns nos EUA?

 

Apesar de todas estas verdades, o programa de boxe amador Cubano continua a dominar o circuito internacional.

 

Cuba é pequena. Eles não têm nem de longe tantos atletas a escolher em comparação a países maiores. Cuba não tem apoio financeiro de muitos programas de treino Olímpico. Não há lucratividade e nem equipamentos modernos. Estes atletas são pobres e famintos. No entanto, a ´´fome´´ deles´´ é mais do que a fome por comida. Esses atletas são famintos pelo sucesso dentro do ringue.

 

O domínio de Cuba é uma prova viva que você pode fazer muito com pouco. Você não precisa de um elaborado e caro equipamento de treino para ter excelência neste esporte. Tudo o que você precisa é o desejo de vencer, acompanhado de um treinador com conhecimentos.

 

Eu cresci treinando no Clube de Boxe de San Juan em Hartford, Connecticut. Nós não tínhamos pesos, anilhas ou máquinas de musculação. Nós apenas tínhamos saco para bater velho e vestíamos nossas luvas de treino. Nunca tivemos um equipamento moderno, mas sempre produzíamos campeões tanto no nível amador quanto no profissional.

 

Os boxeadores das áreas vizinhas sempre sabiam que eles teriam uma luta difícil se fosse lutar com alguém do Clube de Boxe de San Juan. Nós fazíamos muito com pouco (equipamento).

 

Como você consegue fazer sem um equipamento elaborado de treino?

 

Use o programa de treino Cubano como exemplo. Esses lutadores atingem o saco fortemente e sempre. Eles treinam juntos em técnicas dois a dois. Eles seguem a risca o programa de corrida sem perder um dia. Eles fazem luvas (sparring) sempre e em ritmo forte. Eles trabalham exercícios de condicionamento e força diariamente.

gambling australia Roman” color=”#000000″ size=”3″>

Talvez a mais importante, esses lutadores competem regularmente. Eles participam de torneios frequentemente. Não há substitutos para uma experiência real. Você precisa entrar dentro do ringue para praticar as combinações que você aperfeiçoou no saco. O saco não revida. Não contra-ataca, finta ou sai de lado. Ele fica parado enquanto você bate sem dó.

 

Você precisa entrar no ringue com outro boxeador treinado que realmente desenvolveu suas técnicas neste esporte.

 

Você não precisa de equipamentos para uma sessão de corrida de sprints, um trabalho de morro ou um treino de corrida de intervalo. Você não precisa muito equipamento para um treino de intervalo no saco, etc.

 

Eu posso responder a seguinte pergunta com uma frase…

 

 

 

Pergunta: Como os Cubanos treinam?

 

Resposta: Os Cubanos treinam duro, para valer.

 

 Para expandir esta resposta, os Cubanos dedicam suas vidas ao boxe. Eles comem, dormem e sonham com boxe. Não há distrações. Eles não ficam até tarde assistindo TV ou jogando videogame. Eles acordam cedo e correm duramente. Eles treinam duro na academia. Eles fazem luvas (sparring), treinam no saco e treinam novas técnicas e combinações.

 

Esses lutadores treinam com o coração. Eles não possuem equipamentos modernos e nem tomam estes suplementos caros. Eles substituem toda esta falta de equipamento, compensando com o coração, desejo e perseverança.

 

Aprenda com o melhor. Observe os boxeadores Cubanos nas Olimpíadas. Olhe e aprenda. Eles são os melhores amadores do mundo.

 

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *